Caio Monti toma posse como diretor-geral do Câmpus Florianópolis-Continente

4. março 2016 | Escrito por | Categoria: Câmpus Florianópolis-Continente, Gestão, Matérias

12801125_1182460078461101_8919635279302356570_nO IFSC realizou na sexta-feira, dia 26, a cerimônia de posse do novo diretor-geral do Câmpus Florianópolis-Continente, Caio Alexandre Martini Monti, o último evento de posse dos novos diretores-gerais eleitos em novembro de 2015. Junto com Caio, tomaram posse o novo chefe do Departamento de Administração, Luís Eduardo Lyra, e a nova diretora de Ensino, Pesquisa e Extensão, Jane Parisenti. A cerimônia ocorreu no auditório da Reitoria.

Caio é professor do IFSC desde 2007 (na época, Cefet-SC). Foi coordenador de laboratórios de alimentos e bebidas e chefe de Administração do Câmpus Florianópolis-Continente e desde 2009 atuava como diretor de Expansão do IFSC, na Reitoria, participando da implantação de 15 câmpus. Em seu discurso de posse, enalteceu a importância de professores e técnicos administrativos no processo educativo. “Quando trabalhamos em equipe, percebemos que o sucesso de nossos estudantes depende de todos, que são igualmente importantes para transformar a vida do estudante”, diz. O mandato dele é de quatro anos.

A ex-diretora-geral do câmpus, Nelda Plentz, que estava no cargo desde que foi eleita em 2011, também falou sobre a importância do trabalho integrado para o sucesso da gestão. “A gestão nunca se faz sozinha. É sempre no coletivo”, destaca. Nelda lembrou que os principais desafios de sua gestão foram consolidar um câmpus que saiu do processo de implantação para “caminhar com as próprias pernas” e aumenta o reconhecimento de cursos da área de turismo e hospitalidade, especialidade do câmpus, na Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica. A ex-diretora foi homenageada pelo servidores do câmpus, junto com os ex-chefes do Departamento de Administração, Rosana Kimmel Rodrigues, e do Departamento de Ensino, Pesquisa e Extensão, Luiz Otávio Cabral.

12791038_1182512855122490_3859547180712555842_nA reitora Maria Clara Kaschny Schneider lembrou que o Câmpus Florianópolis-Continente foi uma escola federalizada – construída com recursos públicos e administrada por uma instituição privada, foi incorporada pelo governo federal em 2006 – e que “pouca gente acreditava que era possível administrarmos a Escola de Gastronomia [nome pelo qual a escola era conhecida na época]”. Para ela, diante dos cortes no orçamento feitos pelo governo federal, é necessário haver articulação e parceria forte entre câmpus e Reitoria. “A sociedade brasileira quer e espera que a educação ajude a mudar o que estamos vivenciando, e acreditamos que isso seja possível”, afirma.

De acordo com o Anuário Estatístico do IFSC, no ano passado o Câmpus Florianópolis-Continente teve 1.551 matrículas, das quais 861 foram em cursos de formação inicial e continuada (FIC), 449 em cursos técnicos, 171 em cursos superiores de tecnologia e 70 em especialização. Seu quadro é composto por 103 servidores. Localizado no bairro Coqueiros, na região continental da Capital, é especializado na oferta de cursos do eixo tecnológico turismo e hospitalidade.

Confira mais fotos da cerimônia de posse na página do IFSC no Facebook.

Tags:

Faça um comentário!