Alunos do Câmpus São José lançam aplicativo de chamadas na Play Store

15. julho 2016 | Escrito por | Categoria: Câmpus São José, Cotidiano, Matérias

Alunos do curso técnico integrado em Telecomunicações do Câmpus São José lançam hoje na Play Store do Google um aplicativo que integra chamadas por protocolo de internet (VoIP) e o código Quick Response (QR). O CallCode estará na loja virtual a partir das 16h dessa sexta-feira (15), quando será apresentado no Auditório da Reitoria do IFSC. O app foi desenvolvido no projeto integrador da turma da oitava e última fase do curso, orientado pelo professor Ederson Torresini.

 

Torresini explica que a proposta do projeto integrador, que visa uma aproximação com o mercado de trabalho, é desenvolver uma empresa fictícia para solução de um problema real na área de Telecomunicações. Na disciplina, os alunos desenvolvem “desde a constituição da empresa até a especificação técnica da solução para o problema: tecnologias, equipamentos, tipo de técnico necessário.”

 

O aluno Lohan Rodrigues Silva, líder da equipe de 19 estudantes, conta que a ideia inicial do aplicativo surgiu de um brainstorming — e não de uma pesquisa de demanda junto às empresas da área, como foi o caso do último projeto integrador apresentado no curso. A ideia da ligação da chamada VoIP com o código QR não possui similares no mercado, segundo Lohan. A equipe apostou, então, na criação da marca Diferentel e trabalhou na criação do sistema e estratégias de marketing no decorrer do semestre.

 

A tecnologia VoIP permite a transmissão de voz e vídeo pela internet, como as chamadas de voz e vídeo por Skype e Facebook Messenger. O emprego desse sistema tem mudado o panorama do mercado de Telecomunicações, por captar o público que costumava utilizar as operadoras de telefonia convencionais. O WhatsApp, por exemplo, passou a fornecer o serviço em março de 2015 e hoje realiza 1,1 mil chamadas VoIP por segundo em todo o mundo, sem cobrança de taxa.

 

A novidade do CallCode é a criação de um QR — código bidimensional escaneado pelo celular que direciona o usuário para um endereço da internet — para identificação do número de celular para o qual a chamada VoIP será direcionada. O número pessoal é ocultado e, como há troca ou renovação do código a cada sete dias, um mês ou seis meses, o usuário preserva sua privacidade e evita dores de cabeça com contatos inconvenientes e insistentes, como é o caso de cadastro em promoções e estabelecimentos.

 

O estudante Athos Bauer, que atuou na parte de hardware da criação, dá um bom exemplo de uso do aplicativo. “Se você conhece alguém na balada, não é legal passar o número pessoal de primeira. Com o aplicativo dá para passar só o código QR antes de adicionar a pessoa nos contatos pessoais.” Ele conta, ainda, que há interesse da equipe em dar continuidade à ideia, apostando na criação de uma start-up, ampliando os serviços da Diferentel.

 

Baixe o CallCode

 

A previsão é de que o aplicativo esteja disponível na Play Store a partir das 16h de hoje (15), de forma gratuita e, por enquanto, apenas para Android. Como o CallCode é integrado ao leitor de código, a equipe recomenda baixar o QR Droid Code Scanner antes de instalar o aplicativo. O lançamento será no Auditório da Reitoria também às 16h e contará com a presença das principais empresas do ramo instaladas em Florianópolis. Acompanhe a transmissão ao vivo pelo canal da Diferentel no Youtube.

 

Por Eduarda Hillebrandt | Estagiária de Jornalismo IFSC

Faça um comentário!