Curso do Câmpus Tubarão leva conhecimentos sobre agricultura familiar a moradores de Orleans

8. agosto 2016 | Escrito por | Categoria: Câmpus Tubarão, Eventos, Matérias

O Câmpus Tubarão do Instituto Federal Santa Catarina (IFSC) comemorou uma conquista coletiva no sábado, dia 6. A data marcou a formatura do curso Pronatec Agricultor Familiar realizado pela instituição no município de Orleans. A formatura foi realizada nas instalações do Centro Universitário Barriga Verde (Unibave), onde ocorreram as aulas do curso.

Formatura Agricultor Familiar 2O curso foi realizado em parceria do IFSC com a prefeitura de Orleans e o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). Desde janeiro, foram 200 horas de aula, sempre aos sábados. Os alunos, a maioria jovens filhos de agricultores, tiveram aulas sobre cooperativismo, organização da agricultura familiar, sistemas de produção, meio ambiente e energias renováveis, comunicação e inclusão digital.

Os irmãos Daniela e Daniel Guizoni, 21 e 17 anos, trabalham na propriedade da família, onde plantam fumo e criam gado leiteiro. Daniela gostou especialmente das aulas sobre produção orgânica. “É sempre um aprendizado a mais. Foi um curso muito produtivo”, afirma.

Formatura Agricultor FamiliarFernanda Garcia destaca que este foi o primeiro curso do Câmpus Tubarão realizado fora dos limites da Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel). “Foi um desafio para o câmpus realizar este curso, fora de nosso eixo tecnológico e fora da Amurel. Mas o resultado foi muito positivo. O curso contribuiu muito para a formação desses jovens que querem permanecer na agricultura. Foi um curso focado em questões de associação, cooperativismo e técnicas que podem ser aplicadas na propriedade”, afirma.

O economista e professor João Antolino Monteiro ficou responsável pela parte de associativismo e cooperativismo. Ele ressalta a importância de discutir estes conceitos com quem trabalha no dia a dia da agricultura familiar. “Muitos não tinham essa perspectiva do cooperativismo. Visitamos cooperativas da região, para que eles tenham ideia de como esse processo funciona. Foi muito produtivo”, relata.

Formatura Agricultor Familiar 3Para a agrônoma Maiara Leonel Pereira, que também atuou como professora, o curso foi uma oportunidade de retribuir a formação proporcionada pelo IFSC. Hoje doutoranda em Sistemas Costeiros e Oceânicos na UFPR, ela curso o técnico em Meio Ambiente do Câmpus Florianópolis do IFSC, formando-se em 2004.

“Foi uma experiência muito gratificante pra mim ex-aluna do IFSC poder voltar as origens do curso técnico de Meio Ambiente, disciplina que lecionei junto ao tema de energias renováveis. Busquei trabalhar de forma dinâmica, integrada e participativa”, afirma. No curso, ela ensinou os alunos a produzirem um painel solar com garrafas pet, para o aquecimento da água tanto para uso domiciliar quanto nas atividades agrícolas. “Os alunos gostaram bastante. Alguns não conheciam a técnica. Eles também avaliaram o custo e se vale ou não a pena aplicar na propriedade”, completa.

Por Daniel Cassol | Jornalista IFSC

Faça um comentário!