Observação da baleia-franca ganha mapa colaborativo

8. setembro 2016 | Escrito por | Categoria: Câmpus Garopaba, Matérias

baleiafrancagaropabaO professor de Geografia João Henrique Quoos, do Câmpus Garopaba, desenvolveu um mapa colaborativo de avistamento de baleias. O site Baleia.info referencia os pontos da costa catarinense em que espécimes da baleia-franca-austral (Eubalaena australis) podem ser vistos. Até então, a ferramenta era utilizada pelos cursos da área de Turismo Ambiental do câmpus e agora está disponível gratuitamente para a comunidade.

O mapa foi projetado para ser utilizado em celulares, possibilitando a localização de coordenadas geográficas. Quando o usuário avistar uma baleia em determinado local, deve selecionar a opção “Informar Avistamento” para compartilhar a descoberta com outros colaboradores.

O ponto só é adicionado ao mapa se as coordenadas estiverem dentro da Área de Proteção Ambiental da Baleia Franca (APABF), que se estende do sul da ilha de Santa Catarina até Balneário Rincão, passando por Garopaba. As águas aquecidas do litoral catarinense recebem cerca de 100 baleias entre junho e novembro de cada ano, de acordo com a organização Baleia Franca.

A espécie encontra nessa área um “berçário” para reprodução e proteção dos filhotes, atraindo adeptos da observação de baleias. O professor Quoos espera a difusão da ferramenta a partir dos guias de turismo e condutores ambientais, fortalecendo o setor de ecoturismo da região.

Por Coordenadoria de Jornalismo do IFSC

Faça um comentário!