Parceria Epagri e Câmpus SMO propicia aulas práticas aos alunos de Agropecuária

18. outubro 2016 | Escrito por | Categoria: Câmpus São Miguel do Oeste, Cotidiano, Matérias
altUma parceria entre o Câmpus São Miguel do Oeste do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e o Centro de Treinamento da Epagri têm resultado em um ensino de ainda mais qualidade para os alunos dos cursos de Agropecuária.

Na última semana, em torno de 50 alunos do Técnico em Agropecuária Integrado ao Ensino Médio e do Técnico de Agropecuária Concomitante ao Ensino Médio participaram de atividades práticas no Cetresmo.

altAs aulas foram ministradas durante manhã e tarde do dia 05 com a divisão das turmas em dois grupos de 25 alunos. Eles foram alternados em ações com os professores Diego Albino Martins, Diogo Magnabosco e Douglas Rogeri.

Os estudantes foram levados pelo IFSC até o Cetresmo para aprender quatro atividades do curso na prática: manejo da ordenha; gênese e classificação do solo; reprodução das vacas; e princípios de cultivo vegetal.

Na disciplina de Princípos de Cultivo Vegetal foi possível aos estudantes, em contato direto com uma área de produção de hortaliças, identificar os principais insetos existentes naquele ambiente, vindo a reconhecer as espécies encontradas e classificá-las entre pragas e insetos benéficos.

alt

 

Ao classificar e quantificar a população de insetos existentes naquele ambiente, os futuros técnicos em agropecuária aprendem a importância do monitoramento de pragas, e que o conceito de “praga” vai muito além da simples presença de um inseto, passando por medidas racionais e tecnicamente eficientes para identificar o momento correto de planejar uma ação de controle”, detalha o professor Diego Martins.
Parceria

O Câmpus SMO tem trabalhado com a Epagri, regional de São Miguel do Oeste, em diversos projetos de ensino, pesquisa e extensão.

altEnquanto a Epagri disponibiliza o centro de treinamento em São Miguel para a realização de aulas práticas com os alunos dos cursos de Agropecuária, o IFSC tem ofertado cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) para a capacitação de técnicos e produtores da região.

A parceria para uso da estrutura da Epagri é parte importante na garantia de uma formação de qualidade para esses estudantes, já que sua estrutura é bastante completa e planejada de maneira didaticamente relevante. Esperamos continuar a trabalhar juntos e fortalecer essas ações, otimizando recursos, espaços, e trazendo melhorias para produção agropecuária do oeste catarinense”, destaca o professor e também diretor-geral do Câmpus SMO, Diego Martins.

Por Rafaela Menin / Jornalista IFSC

 

Faça um comentário!