IFSC é credenciado para importar bens para pesquisa com isenção de impostos

22. novembro 2017 | Escrito por | Categoria: Matérias

O IFSC foi novamente credenciado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) para importar bens para pesquisa com isenção de impostos. O credenciamento vale pelos próximos 5 anos e confere o direito de importar diretamente máquinas, equipamentos, aparelhos e instrumentos, incluindo partes e peças de reposição, acessórios, matérias-primas e produtos intermediários. A instituição já tinha direito a esse benefício desde 2012 e teve seu pedido de renovação atendido.

Os bens importados devem ser usados exclusivamente para projetos de pesquisa. “É importante que o projeto preveja os gastos com importação para que esse benefício seja usado”, recomenda o chefe do Departamento de Inovação, Luiz Henrique Castelan Carlson.

O IFSC já era credenciado desde 2012 para importar bens para pesquisa com isenção de impostos. Em um projeto de pesquisa realizado em parceria com o Instituto Politécnico do Porto (IPP), a economia com esse benefício foi de aproximadamente 50%, de acordo com Carlson.

Entre os pontos considerados pelo CNPq para conceder o credenciamento, estão a produção científica e tecnológica do IFSC, a infraestrutura existente para pesquisa e quadro de pesquisadores da instituição.

Para saber mais sobre esse benefício, acesse a lei 8.010/1990 e a resolução normativa 007/2012 do CNPq.

Faça um comentário!