Câmpus Lages recebe palestra sobre compostagem de lixo orgânico

16. abril 2018 | Escrito por | Categoria: Câmpus Lages, Eventos, Matérias

A redução da quantidade de lixo produzido por pessoas e empresas é uma preocupação de iniciativas como o programa IFSC Sustentável, que promove ações para combater esse problema. A construção de uma composteira no câmpus, cujo projeto já foi aprovado, é uma delas. Em outra, no dia 11 de abril, o câmpus recebeu palestra do professor Germano Güttler, coordenador do projeto Lixo Orgânico Zero, do câmpus de Lages da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), que falou sobre microcompostagem ecológica.

Germano abordou como grandes indústrias e pessoas que moram em apartamentos podem fazer a compostagem do lixo orgânico. Para a professora Luciane Costa, coordenadora do programa IFSC Sustentável do Câmpus Lages, essa é uma solução para um problema sério na região. “É enviado para o aterro sanitário um lixo que poderia ser transformado em um produto útil”, afirma.

O projeto Lixo Orgânico Zero objetiva acabar com os resíduos de lixo orgânico em Lages e diminuir os custos da coleta pública. A proposta de compostagem de resíduos orgânicos conquistou o primeiro lugar nacional no prêmio 1º Edital de Compostagem e foi beneficiada com R$ 985 mil.

Estiveram presentes na palestra alunos e professores do IFSC. O evento é realização do programa IFSC Sustentável juntamente com alunos do quarto módulo do curso técnico em Agronegócio, como parte da disciplina de extensão rural. Luciane lembra a importância para o IFSC receber este tipo de palestra. “É importante, pois o IFSC também tem várias iniciativas, e a troca de informações aproxima muito os professores e a comunidade acadêmica”, completou.

Por Débora Vargas | Estagiária de Jornalismo IFSC

Faça um comentário!