Encontro nacional da educação de jovens e adultos das instituições da Rede Federal acontece em maio

17. abril 2018 | Escrito por | Categoria: Câmpus Araranguá, Câmpus Caçador, Câmpus Canoinhas, Câmpus Chapecó, Câmpus Criciúma, Câmpus Florianópolis, Câmpus Florianópolis-Continente, Câmpus Garopaba, Câmpus Gaspar, Câmpus Itajaí, Câmpus Jaraguá do Sul-Centro, Câmpus Jaraguá do Sul-Rau, Câmpus Joinville, Câmpus Lages, Câmpus Palhoça Bilíngue, Câmpus São Carlos, Câmpus São José, Câmpus São Lourenço do Oeste, Câmpus São Miguel do Oeste, Câmpus Tubarão, Câmpus Urupema, Campus Xanxerê, Oportunidades

ifg2Com objetivo de analisar a implantação da Educação de Jovens e Adultos (EJA) na modalidade integrada à Educação Profissional nos últimos 11 anos nas instituições que compõem a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, institutos federais de todo país participarão do 1º Encontro Nacional da EJA. O evento será realizado dias 21, 22 e 23 de maio, no Instituto Federal de Goiás – Câmpus Goiânia.

A ideia do evento, segundo o presidente da comissão organizadora e coordenador da EJA no IFG, Ghesley Jorge Xavier, é discutir, principalmente, os três pilares e desafios: ingresso, permanência e êxitos dos alunos nos cursos. O evento pretende reunir servidores, pesquisadores, professores e estudantes dos institutos federais de todo país, que em três dias farão amplos debates sobre o balanço de 11 anos de implantação da EJA na Rede Federal, discutirão sobre um currículo flexível – que articule e possibilite o acesso, a permanência e o sucesso -, socializar experiências pedagógicas, pautar o Ministério da Educação para realização de campanha nacional sobre escolarização de jovens e adultos, aprovar plano de ação e, entre outros objetivos, propor um pacto institucional coletivo para fortalecimento da EJA nacionalmente.

A proposta é de que, além da discussão sobre a EJA integrada à Educação Profissional, os participantes produzam documentos que vão subsidiar ações e políticas de efetivação do acesso, permanência e êxito dos estudantes da EJA nas instituições federais. Hoje os cursos da educação de jovens e adultos dos institutos contemplam alunos acima de 18 anos, que por algum motivo tiveram que parar os estudos ao longo da vida e querem retornar às salas de aula, daí eles têm acesso a cursos que ao mesmo tempo oferecem uma profissionalização e o ensino médio.

Isso contempla o que é exigido no Decreto nº 5840, de 13 de julho de 2006, que instituiu o Programa Nacional de Integração da Educação Profissional à Educação Básica na Modalidade de Jovens e Adultos (Proeja) e dá responsabilidade às instituições da Rede, e também a instituições públicas e privadas, para ofertar cursos da EJA com objetivos de elevação da escolaridade e concomitante a isso acesso a conhecimentos gerais e profissionais integrados. A oferta desses cursos nos institutos têm, portanto, 11 anos de história.

O Encontro será sediado no Instituto Federal de Goiás, em uma ação articulada com o Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal (Conif).

Inscrições

Para participar das atividades do Encontro Nacional da EJA, dias 21, 22 e 23 de maio, é preciso se inscrever até dia 14 de maio, pelo site  https://sugep.ifg.edu.br. As inscrições já estão abertas e será dada certificação. No total são 310 vagas, mas sendo 10 reservadas a cada Estado, por limitações de espaço físico para realização do evento.

Tags: , , ,

Faça um comentário!