Doutorado em Linguística realiza seminário para apresentação de projetos

8. maio 2018 | Escrito por | Categoria: Câmpus Araranguá, Câmpus Caçador, Câmpus Canoinhas, Câmpus Chapecó, Câmpus Criciúma, Câmpus Florianópolis, Câmpus Florianópolis-Continente, Câmpus Garopaba, Câmpus Gaspar, Câmpus Itajaí, Câmpus Jaraguá do Sul-Centro, Câmpus Jaraguá do Sul-Rau, Câmpus Joinville, Câmpus Lages, Câmpus Palhoça Bilíngue, Câmpus São Carlos, Câmpus São José, Câmpus São Lourenço do Oeste, Câmpus São Miguel do Oeste, Câmpus Tubarão, Câmpus Urupema, Campus Xanxerê, Notas

dinter2O 2º Seminário do Doutorado Interinstitucional em Linguística UFSC/IFSC aconteceu no Câmpus São José, nos dias 10 e 11 de abril,  quando alunos apresentaram seus projetos de pesquisa doutoral a colegas e professores, visando a receber críticas e sugestões para ajustes nos trabalhos antes das defesas de projeto, que acontecerão entre maio e agosto do próximo ano. Já para o segundo semestre de 2018, a expectativa é de realização de um novo evento para socialização dos resultados das pesquisas e preparação para as defesas das teses. O Dinter em Linguística começou a ser gestado no 1º Fórum de Ensino de Línguas do IFSC, realizado em março de 2014, como forma de atender aos anseios dos professores de línguas por formação em nível de doutorado.

No segundo semestre de 2014, o IFSC celebrou um convênio com a Universidade Federal de Santa Catarina, que ficou responsável gestão pedagógica do curso – definição do currículo, cessão dos professores e orientadores, organização do processo seletivo, oferta das disciplinas, organização das bancas, etc. Como contrapartida, coube ao IFSC gestão operacional – cessão do espaço e recursos audiovisuais, transporte dos alunos e professores e pagamento de diárias e passagens. Para garantir os recursos financeiros, um projeto de financiamento foi submetido à CAPES, que liberou recursos R$ 513.368,00, para pagamento de bolsas, diárias e passagens.

dinterA seleção dos alunos ocorreu no primeiro semestre de 2015, tendo sido oferecidas 14 vagas, dirigidas a servidores do IFSC. Dos 17 servidores que participaram de todas as etapas da seleção, 11 foram aprovados, de 9 diferentes câmpus: Ana Maria Bonk (Chapecó), Cláudia Kuns Tomaselli (Canoinhas), Daniella de Cássia Yano (Tubarão), José Carlos Martins (Joinville), Lucimary Gonsalves Bajon (Florianópolis), Marcos de Oliveira Treptow (São Carlos), Paula Clarice Santos Grazziotin de Jesus (Lages), Rosana Aparecida de Mello Garcia (Florianópolis), Sérgio Sell (Joinville), Telma Pires Pacheco Amorim (Garopaba), Vanessa Elsas Porfirio de Faria (Palhoça).

Salvo duas exceções, as disciplinas do curso foram ministradas no Câmpus Geraldo Werninghaus, em Jaraguá do Sul. A oferta de disciplinas iniciou em agosto de 2015 e encerrou no segundo semestre de 2017. A Coordenação Operacional esteve a cargo do professor Vidomar Silva Filho, do Câmpus São José, até sua aposentadoria, em agosto de 2017.  Hoje exerce essa função a  professora Maria Teresa Collares, também daquele câmpus. A coordenadora pedagógica do curso é a professora Maria Inêz Probst Lucena (UFSC). Professor Vidomar, mesmo aposentado, segue na defesa do projeto perante a UFSC e a Capes e na operacionalização do Dinter.

Por Coordenadoria de Jornalismo do IFSC

Tags: , , ,

Faça um comentário!