Servidores podem contribuir com a Política Nacional de Educação Especial

7. novembro 2018 | Escrito por | Categoria: Governo Federal, Notas

Está aberto até 21 de novembro o prazo de consulta pública da atualização da Política Nacional de Educação Especial: Equitativa, Inclusiva e ao Longo da Vida. Clique aqui para visualizar o documento e enviar suas contribuições.

O texto foi elaborado, de acordo com o MEC, por mais de 25 entidades e por especialistas da área. As pessoas com deficiência visual podem ler o material com o apoio dos aplicativos de leitura. Para as pessoas surdas, o documento foi todo traduzido na língua brasileira de sinais (libras).

O Mec, através da Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão, esclarece que, na nova redação, são contemplados de forma mais objetiva os transtornos do espectro autista, a deficiência intelectual e as altas habilidades e superdotação. Segundo o Ministério, com a consulta pública, a expectativa é de atualizar o documento para adequá-lo à legislação mais recente, de maneira a organizar os serviços e ampliar o atendimento a esse público.

Após o encerramento da consulta, o texto consolidado será encaminhado ao Conselho Nacional de Educação.

Com informações do site do MEC

Tags:

Faça um comentário!