Consup aprova o Relatório de Gestão 2013

28. março 2014 | Escrito por | Categoria: Gestão, Matérias, Vida de Servidor

SONY DSCO Consup aprovou na reunião extraordinária de quarta-feira, dia 26, em Florianópolis, o Relatório de Gestão 2013, que traz dados sobre o funcionamento do IFSC no ano passado. “Esse documento reflete tudo o que o IFSC fez em 2013”, comenta a diretora de Gestão do Conhecimento, Silvana Ferreira Pinheiro e Silva. O relatório faz parte da prestação de contas anual que a instituição faz para o Tribunal de Contas da União (TCU) e deve ser enviado ao tribunal até a próxima segunda, dia 31. A alteração de carga horária de professores, as eleições para o Consup, a regulamentação do Reconhecimento de Saberes e Competências e a aprovação de cursos também foram temas de pauta da reunião.

Dentre os números que o Relatório contém, alguns foram destacados por Silvana e pela coordenadora de Planejamento, Cristiele Aparecida Petri, na apresentação do documento. Em 2013, cerca de 28 mil alunos passaram pelo IFSC, em todos os níveis de formação (FIC, técnico, graduação e pós-graduação). A relação candidato/vaga dos processos de ingresso foi de 3,25 (em 2012, foi de 2,36). A eficiência acadêmica subiu pelo terceiro ano seguido, chegando a 53,47% em 2013 (contra 46,4% em 2012).

O IFSC investiu, em média, R$ 8.173,25 por aluno em 2013. A maioria dos estudantes (52%) da instituição está na faixa de renda familiar per capita média de 0,5 a 1,5 salários mínimos, é do sexo masculino (60%) e autodeclara-se branca (78,7%). Outros 14% afirmam ser pardos e 5% negros. O maior grupo por faixa etária está entre os 15 e 17 anos (43%).

Mais dados serão divulgados no Link Digital nas próximas semanas, depois do envio da prestação de contas ao TCU.

Alteração do regime de trabalho de professores

O IFSC poderá alterar o regime de trabalho de professores em estágio probatório de 20h para 40h, em acordo com as direções-gerais dos câmpus e com os próprios servidores, de acordo com decisão do Consup. A medida busca ajudar os câmpus que ainda possuem quadro reduzido e a todos os câmpus a implantar os Centros de Referência em Formação e Educação a Distância e os Núcleos de Educação a Distância.

Um parecer da assessoria técnica do Gabinete afirma que há fundamento legal para que a mudança de regime de trabalho ocorra. Para isso, é necessário um pedido da Direção Geral do câmpus à Reitoria para a mudança de regime e a concordância do professor para que seja feita a alteração.

Eleições para o Consup

O processo de escolha de representantes dos estudantes no Consup e estratégias para mobilização dos alunos para o processo eleitoral foi discutido na reunião. Historicamente, o preenchimento das quatro vagas para os discentes no conselho tem ocorrido por sorteio, sem que um processo de votação tenha sido organizado. “Vamos apoiar os alunos para fortalecer essa representação”, explica a reitora Maria Clara Kaschny Schneider.

Uma iniciativa para tentar mobilizar os estudantes será a realização de um seminário em maio com representantes dos alunos de todos os câmpus – de preferência, dirigentes de grêmios estudantis e centros acadêmicos. Os quatro representantes atuais dos alunos no Consup também devem se reunir para debater iniciativas de mobilização.

Regulamentação do Reconhecimento de Saberes e Competências (RSC)

Uma comissão formada por representantes dos professores no Consup, no CPPD e da seção sindical do IFSC do Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica e Profissional (Sinasefe-SC) elaborou uma minuta de regulamentação do Reconhecimento de Saberes e Competências (RSC) dos docentes da carreira do Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico. A minuta está disponível (clique aqui) para conhecimento e posteriormente será aberta consulta pública.

O RSC é o processo de seleção pelo qual são reconhecidos os conhecimentos e habilidades desenvolvidos a partir da experiência individual e profissional dos professores da EBTT, bem como no exercício das atividades de ensino, pesquisa e extensão.

Aprovação de cursos

Dois cursos foram aprovados na reunião do Consup: o técnico subsequente em Agronegócio (Câmpus Lages) e o técnico subsequente em Arte Dramática (Joinville, oferecido via Pronatec). Ambos são ofertas inéditas na instituição.

Atualizado em 31/03/2014 às 11h07 

Tags: , ,

Faça um comentário!