Atletas formandos se despedem do JIFSC depois de quatro anos de participação

12. junho 2015 | Escrito por | Categoria: Eventos, Matérias

Em sua quarta edição, o JIFSC 2015 é o último p_HBZ9023ara os alunos dos cursos integrados que se formam neste ano. Para os veteranos Neila Rengel e João Kunde, do Câmpus Joinville, e Gabriel Júnior Fontana e André Becker, do Câmpus São Miguel do Oeste, esta última competição é ainda mais especial porque eles participaram das quatro edições do JIFSC e acompanharam sua evolução, comemoraram vitórias, conheceram derrotas e, principalmente, fizeram novas amizades.

“Uma mistura de sensação de missão cumprida e de vou sentir saudades.” É assim que Neila define sua última competição no IFSC. A aluna do sétimo módulo de Mecânica foi a juramentista deste ano e uma das incentivadoras do envolvimento de todos os alunos na torcida. “É muito bom jogar em casa. A gente se sente mais segura com a torcida dos colegas de aula, dos amigos e da família”, ressalta a atleta de vôlei de quadra e areia.

JIFSC VETERANOS (3)Para os atletas, o saldo positivo dos quatro JIFSC não está nas vitórias ou medalhas. As amizades feitas durante os jogos e que permaneceram após a competição, o conhecimento de novos lugares e a integração com outros câmpus são pontos muito mais fortes. “A integração fora de quadra é muito maior que a rivalidade durante as disputas”, avalia André, que está no sétimo módulo de Agroindústria, junto com Gabriel.

Os veteranos de São Miguel do Oeste jogam futsal e acreditam que o JIFSC está melhor a cada ano, principalmente em organização, estrutura de jogos e condições de alojamento e alimentação. Outro ponto positivo levantado pelos alunos é o aumento do número de participantes. “O JIFSC é uma forma de incentivar o esporte nos câmpus”, explicam.

JIFSC VETERANOS (4)O aumento no número de equipes também foi observado pelo atleta João Kunde, do sétimo módulo de Mecânica no Câmpus Joinville. O jogador de basquete conta que antes os jogos eram mais corridos e que havia poucas equipes em cada modalidade. “Agora, temos mais equipes participando, especialmente no basquete, e ganhamos mais tempo para a competição”, comemora.

Tags:

Faça um comentário!