Simpósio debaterá temas relacionados a acolhida e integração de migrantes e refugiados

24. maio 2019 | Escrito por | Categoria: Matérias, Oportunidades

Estão abertas até 29 de maio (às 20h) as inscrições gratuitas para o simpósio “Refugiados e migrantes em Santa Catarina: como acolher e integrar?”, que será realizado em Florianópolis entre os dias 5 e 7 de junho. As inscrições são abertas ao público em geral, com prioridade para pessoas que atuem com a área temática, tenham vínculo com instituições de educação ou sejam migrantes, entre outros requisitos previstos no edital do evento.

O objetivo do simpósio é discutir o estabelecimento de uma política local de integração para refugiados e migrantes, além de capacitar os atores envolvidos no acolhimento, integração e interiorização desse público.

Os interessados devem se inscrever exclusivamente por meio do site da Escola Superior do Ministério Público da União, onde também estão disponíveis o edital e a programação completa do evento. Na inscrição, pode-se optar pelas atividades divididas em oficinas e minicursos. As atividades do simpósio serão realizadas no auditório da Justiça Federal, no Ministério Público Federal e no Ministério Público do Trabalho, todos localizados no bairro Agronômica, em Florianópolis.

O simpósio será promovido pela Rede de Capacitação a Migrantes e Refugiados, composta pela Escola Superior do Ministério Público da União (ESMPU), Procuradoria Federal dos Direitos dos Cidadãos (PFDC), Ministério Público do Trabalho (MPT), Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), Organização Internacional para as Migrações (OIM), Conectas Direitos Humanos, Instituto Migrações e Direitos Humanos (IMDH), Defensoria Pública da União (DPU), Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), Missão Paz e Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).

Mais informações com a Coordenadoria de Capacitação do IFSC: (48) 3877-9067 ou capacitacao@ifsc.edu.br.

Por Coordenadoria de Jornalismo do IFSC, com informações do Ministério Público Federal

Faça um comentário!