Presidente do Instituto Politécnico do Porto visita o IF-SC

17. fevereiro 2012 | Escrito por | Categoria: Câmpus Florianópolis, Câmpus Florianópolis-Continente, Matérias

Visita IPP 1No dia 16 de janeiro, a presidente do Instituto Politécnico do Porto (IPP), Rosário Gambôa, e o vice-presidente, Carlos Ramos, estiveram em Florianópolis para visitar o IF-SC. Maior politécnico de Portugal, o IPP é uma das instituições de ensino estrangeiras parceiras do IF-SC para o intercâmbio de alunos. Durante a visita, os dirigentes europeus tiveram a oportunidade de conhecer os campi Florianópolis e Florianópolis-Continente, além da Reitoria do instituto brasileiro.

A presidente do IPP demonstrou entusiasmo ao conhecer o IF-SC. “Percebi uma instituição de grande impulso e dinamismo que está numa fase de crescimento”, explicou. Para a professora, também foi possível notar a sintonia entre a Reitoria e as direções dos campi. “Achei um excelente clima de trabalho e uma boa interação entre todos”, disse.

Visita IPP 2Rosário afirmou que a visita ao IF-SC só a deixou com mais vontade de aprofundar a parceria que o IPP já mantém com o instituto catarinense. Atualmente, sete estudantes de graduação do instituto de SC estão em Portugal desenvolvendo seus projetos de conclusão de curso pelo Programa de Cooperação Internacional para Intercâmbio de Estudantes do IF-SC (Propicie).

Propicie

Esta é a quarta edição do programa que foi criado em 2009. Até o momento, 42 alunos do IF-SC já participaram do Propicie em instituições da Áustria, Alemanha, Suécia, Portugal e Espanha.

Sobre os alunos do IF-SC que desenvolveram seus trabalhos no IPP, a presidente do instituto português é só elogios. “São ótimos alunos , muito bem capacitados e com bom nível de formação”, destacou.

A reitora do IF-SC, Maria Clara Kaschny Schneider, acredita que os critérios de seleção criados pela Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação fazem com que os alunos intercambistas tenham resultados de sucesso. “O fato do candidato a uma bolsa ter que possuir um tempo determinado de estudo no IF-SC e ainda ter um bom desempenho acaba refletindo na qualidade dos estudantes contemplados”, ressalta.

O modelo do Propicie está fazendo sucesso não apenas com os parceiros internacionais do IF-SC. A estrutura dinâmica do programa fez com que ele virasse referência para o Ciência sem Fronteiras, programa do Governo Federal que também busca a mobilidade internacional. “O diferencial do Propicie é que ele é menos burocrático na execução já que o aluno não cursa disciplina, apenas desenvolve seu projeto de conclusão de curso na instituição estrangeira”, explica Maria Clara.

Parceria

Visita IPP 3A parceria que existe hoje entre o IF-SC e o IPP contempla o intercâmbio de alunos. Mas, a intenção – reforçada com a visita de janeiro -, é que essa relação seja ainda mais aprofundada. “Temos vontade de desenvolver projetos de pesquisas em comum e em estender o intercâmbio para professores”, antecipa a presidente do IPP. Rosário disse ainda que, no futuro, a ideia é fazer cursos com dupla titulação e com grau conjunto.

Para a reitora do IF-SC, a visita dos dirigentes do IPP ao IF-SC possibilita de fato a intensificação da parceria. “Queremos fortalecer a relação que já existe de intercâmbio de alunos e desenvolver novos convênios de trabalho como, por exemplo, a oferta de cursos a distância para alunos e servidores de ambas as instituições”, afirmou Maria Clara.

Sobre o IPP

O Instituto Politécnico do Porto foi criado em 1985 e resultou do relançamento do Ensino Superior Politécnico em Portugal iniciado em 1979. Conheça mais sobre essa instituição acessando o site oficial do IPP.

Presidente do Instituto Politécnico do Porto visita o IF-SC

Faça um comentário!