IFSC integra o Conselho Municipal de Inovação de Florianópolis

13. setembro 2012 | Escrito por | Categoria: Gestão, Matérias

O Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) faz parte da primeira gestão do Conselho Municipal de Inovação de Florianópolis. Criado pela Lei Complementar nº 432, de 07 de maio de 2012 – a Lei de Inovação, o Conselho é um dos principais instrumentos de estímulo e apoio do desenvolvimento do polo tecnológico, da indústria do conhecimento e dos empreendimentos inovadores de Florianópolis. O pró-reitor de pesquisa, pós graduação e inovação do IFSC, Mário de Noronha Neto, representou o Instituto na cerimônia de posse dos membros do Conselho realizada no início deste mês.

O Conselho Municipal de Inovação é constituído por membros vinculados à administração municipal, à comunidade científica, tecnológica e de inovação, às entidades empresariais e à sociedade civil organizada. O processo de escolha dos membros iniciou no mês de junho e foi organizado e realizado por entidades e instituições de diversas áreas de atuação. A indicação dos membros foi feita pelas entidades reunidas em grupos temáticos, após o registro e a divulgação dos perfis dos candidatos interessados em comporem o Conselho.

O Conselho Municipal de Inovação permite a participação direta da comunidade nas ações e políticas públicas voltadas ao desenvolvimento científico, tecnológico e econômico do município. A Lei Municipal de Inovação prevê diversas atribuições ao órgão, entre elas a fiscalização do uso dos recursos do Fundo Municipal de Inovação e do Plano Municipal de Inovação. A primeira gestão do Conselho Municipal de Inovação terá também a atribuição de aprovar o regimento interno do órgão, além de participar da regulamentação dos demais instrumentos criados pela Lei Municipal de Inovação. O mandato dos membros do Conselho será de três anos.

Para o pró-reitor do IFSC, a participação do Instituto no Conselho é muito importante, pois permitirá que a instituição contribua de forma efetiva na formulação da política municipal relacionada à ciência, tecnologia e inovação. “Outro ponto importante é o contato e a troca de experiências com as diversas instituições que compõe o conselho”, complementa Noronha.

Além da posse, também foi realizada no início do mês a primeira reunião do Conselho Municipal de Inovação. Um dos temas da reunião foi o regimento interno, aprovado pelos membros e que será aprimorado por um grupo de trabalho organizado pelos conselheiros. A reunião também deliberou sobre a escolha dos três membros do Comitê Gestor. Foram eleitos os representantes da UDESC, Fundação CERTI e I3. A data da próxima reunião também ficou pré-definida para o mês de outubro.

Para saber mais sobre a lei da inovação e ver todos os integrantes do Conselho Municipal de Inovação, clique aqui.

Com informações e fotos da Prefeitura Municipal de Florianópolis

Tags: ,

Faça um comentário!