Exposição no Câmpus Lages comemora o Centenário de Malinverni Filho

9. abril 2014 | Escrito por | Categoria: Câmpus Lages, Cotidiano, Matérias

070414_exposicaomalinverni09Até o mês de maio, a biblioteca do Câmpus Lages do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) recebe a exposição “O último verão de Malinverni Filho”, realizada em parceria com o Sesc. As obras fazem parte das comemorações em alusão aos 100 anos do pintor e escultor, que nasceu em 1913 e faleceu em 1971.

Segundo a coordenadora da biblioteca, Márcia Medeiros, a exposição é um recorte fotográfico que relata a vida do artista. O objetivo é despertar no visitante o interesse pelo conhecimento de sua própria cultura. “Não falo aqui dos ismos pelos quais o artista transitou e deixou sua marca, mas da importância de preservarmos nossa história e mantermos viva a lembrança do artista na mente do povo lageano, do catarinense e desse imenso Brasil, que ainda não tem acesso completo à produção cultural do país”, explica.

A exposição é aberta para visitação da comunidade em geral. O horário de funcionamento da biblioteca é das 8h às 12h e das 13h às 22h.

070414_exposicaomalinverni08Sobre o artista

O lageano Malinverni Filho nasceu no dia 16 de fevereiro de 1913. Filho do escultor Agostinho Maliverni, pintou seu primeiro quadro, Santa Luzia, aos 13 anos, utilizando tintas inapropriadas para tela. Foi o primeiro artista a ganhar uma bolsa de estudos na Escola Nacional de Belas Artes, no Rio de Janeiro.

Em 1941, começou a expor e vender seus trabalhos. No ano de 1949, em uma exposição em Porto Alegre, vendeu 45 telas das 50 expostas. Faleceu em 14 de janeiro de 1971, vítima de câncer, devido ao contato excessivo com as tintas. Atualmente, seus quadros valem mais de R$ 10 mil cada.

Tags:

Faça um comentário!