Napne desenvolve ações voltadas à acessibilidade no Câmpus Geraldo Werninghaus

11. dezembro 2014 | Escrito por | Categoria: Câmpus Jaraguá do Sul-Rau, Cotidiano, Matérias

jgw cadeirante napne (1) esqCom os objetivos de melhorar a acessibilidade no câmpus e conscientizar as pessoas sobre a importância de haver ambientes de estudo e trabalho acessíveis, a equipe do Núcleo de Atendimento às Pessoas com Necessidades Específicas (Napne) do Câmpus Geraldo Werninghaus realizou duas ações focadas nas necessidades dos cadeirantes. No dia 25 de novembro foi realizada uma avaliação dos espaços do câmpus em relação ao preparo para receber estudantes e visitantes cadeirantes. Já na terça-feira (9) ocorreu uma palestra sobre o tema “Acessibilidade e Educação Inclusiva”, com o arquiteto Mário Cezar da Silveira, de Joinville.

jgw cadeirante napne (2) dirPara realizar o diagnóstico dos ambientes do câmpus, o coordenador do Napne, Afonso Vieira, utilizou uma cadeira de rodas cedida pela Unimed Jaraguá do Sul para simular situações reais do cotidiano de um cadeirante. Foram avaliados, por exemplo, os acessos aos banheiros, salas de aula, auditório e laboratórios. Confira o trabalho realizado no vídeo elaborado pelo Napne (clique aqui e acesse o vídeo no canal do câmpus no Youtube).

jgw cadeirante napne (3) esqNa terça-feira (9), o arquiteto Mário Cezar da Silveira veio ao câmpus e, durante duas horas, mostrou a importância de planejar ambientes para diversos tipos de deficiência, não apenas a motora. “Os padrões aos quais estamos acostumados podem se tornar barreiras para aqueles que chamamos de deficientes, mas que na verdade têm tanto preparo quanto nós para realizar as mais diversas atividades”, afirma.

Segundo o coordenador do Napne, as ações desenvolvidas pelo núcleo visam ao estímulo da inclusão dentro e fora do Câmpus Geraldo Werninghaus. “Com esse trabalho e a conscientização das pessoas queremos contribuir para a construção de uma sociedade cada vez mais inclusiva, sem preconceito ou quaisquer outras barreiras”, destaca Vieira.

Tags: ,

Faça um comentário!