Conheça os finalistas do Desafio IFSC de Ideias Inovadoras

28. julho 2017 | Escrito por | Categoria: Câmpus Canoinhas, Eventos, Matérias

O Desafio IFSC de Ideias Inovadoras avança para a reta final. Esta semana, ficaram conhecidos os 15 projetos finalistas, selecionados de acordo com a pontuação no quadro de modelo de negócio (Canvas). Os alunos representantes devem lançar sua proposta durante o Seminário de Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação do IFSC (Sepei), entre os dias 4 e 6 de setembro no Câmpus Itajaí. Confira a lista e saiba mais sobre a competição aqui.

As sete ideias selecionadas no evento receberão um prêmio na forma de auxílio financeiro para ser investido no desenvolvimento do projeto, com valores que variam de R$ 3 mil a R$ 15 mil. O Desafio IFSC é uma competição de caráter educacional voltada ao empreendedorismo e à inovação tecnológica, promovida pelo Núcleo de Inovação da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação do IFSC.

Os alunos Daniel Frutos, Diego Nóbrega, Aldir Cerutti e Gabriel Moreschi, do curso superior de tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas do Câmpus Canoinhas, estão entre os finalistas. O resultado da Avaliação do Modelo de Negócios (Canvas) deixou os alunos motivados para a final, que engloba a elaboração do Plano de Aplicação do Prêmio e a participação no evento Pitch, durante o Sepei.

O projeto ExoCare, que é orientado pelo professor Lucas Bueno, prevê a confecção de próteses, por meio de impressão 3D, para substituição do gesso convencional nas talas usadas para imobilização de membros fraturados. Segundo os alunos, por ser mais leve e permitir a higienização adequada, este novo molde traz muito mais conforto aos pacientes, além de ser esteticamente mais bonito. “E como é feito sob medida, ele também auxilia no tratamento”, explicam Daniel, Diego, Aldir e Gabriel.

ExoCare tem ainda as vantagens de ser ambientalmente sustentável e financeiramente acessível, já que as impressoras 3D e o material adequado são de mais fácil acesso do que antigamente. “O principal desafio da inovação proposta está no software de mapeamento e de criação dos modelos das próteses, que é onde entramos, fazendo a conexão com o que estudamos no nosso curso”, contam os alunos de Análise e Desenvolvimento de Sistemas.

No ranking de classificação do Desafio IFSC de Ideias Inovadoras, o grupo está em quarto lugar entre os quinze finalistas. “Estou muito orgulhoso dos alunos e sei que merecem, pois trabalharam bastante no projeto e estão superando várias dificuldades”, elogia professor Lucas Bueno (ao centro, na foto). O projeto também participa do 10º Concurso Universitário de Negócios Inovadores do Sebrae/SC.

Por Coordenadoria de Jornalismo do IFSC | Comunicação Câmpus Canoinhas

Faça um comentário!