Lançada chamada pública para ampliação e atualização do POCV

25. agosto 2017 | Escrito por | Categoria: Gestão, Matérias, Vida de Servidor


POCVFoi lançado nesta semana o edital Proen N° 02/2017, uma chamada pública para discutir a ampliação e atualização do Plano de Oferta de Cursos e Vagas (POCV) do IFSC. Todos os câmpus e o Cerfead devem participar desta chamada como unidades proponentes, observando as áreas que devem ser prioridade para a instituição.

O POCV estabelece quantos cursos, quais áreas e o número de servidores de acordo com o porte de cada câmpus. As áreas prioritárias são Ensino de Jovens e Adultos (Proeja), Formação de Formadores e Institucionalização do Ensino a Distância. As propostas devem estar de acordo com três categorias:

Categoria 1: cenário sem ampliação do quadro de professores previsto no PDI 2015-2019; Categoria 2: cenário com ampliação do quadro de professores até o piso definido pela Portaria 246/2016/SETEC/MEC; e Categoria 3: cenário com ampliação do quadro de professores para além do piso definido pela Portaria 246/2016/SETEC/MEC. Os critérios de cada categoria constam em edital.

“Na revisão do POCV-A, aprovado no PDI 2015-2019, o Consup recomendou que o IFSC faça um replanejamento das vagas ainda previstas de acordo com os índices mínimos previstos em lei para as áreas prioritárias. Por isso essa chamada, que irá resultar no POCV-B”, explica a diretora executiva do IFSC, Silvana Rosa Lisboa de Sá.

A diretora destaca que a chamada é mais uma oportunidade de os servidores participarem das escolhas dos rumos que a instituição irá tomar. “É muito importante que isso não se fique restrito aos chefes de Ensino. Os servidores, os Núcleos Docente Estruturantes (NDE) e colegiados de cursos devem participar das discussões, que serão aprovadas nos Colegiados dos Câmpus para depois formar o documento completo do IFSC”, reforça.

As propostas devem ser submetidas até 9 de outubro, conforme edital. As propostas aceitas tramitarão no Colégio de Dirigentes (Codir), Colegiado de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe), Colegiado de Desenvolvimento de Pessoas (CDP), Comitê Permanente de Acompanhamento do Desenvolvimento Institucional (Copadin) e aprovação no Conselho Superior (Consup). A previsão é de aprovação em abril de 2018.

Para o membro da Comissão Central de Revisão, Orlando Rogério Campanini, pró-reitor de Ensino em exercício, é mais que necessário o envolvimento dos servidores nesse processo. “As Comissões Locais estão se organizando em reuniões e discussões. O POCV B seguirá o Plano de Acordos e Metas e é um comprometimento do IFSC com a sociedade. Ele vai dizer como será a expansão dos câmpus para os próximos anos e, mais que isso, terá que ser cumprido, pois está no PDI”, afirma.

Por Coordenação do Jornalismo IFSC

 

Faça um comentário!